Nome das Notas Musicais
O Monge Beneditino, teórico musical e pedagogo Guido d'Arezzo nascido na Itália (c.990; após 1050), por volta de 1028 foi chamado a Roma pelo papa João XIX para expor seus novos métodos de notação e de ensino musical. Seu Micrologus (1026), foi o primeiro tratado completo sobre prática musical a incluir uma discussão da música polifônica e do cantochão.

Ele desenvolveu uma técnica de canto à primeira leitura baseada nas sílabas iniciais de cada verso de um Hino Litúrgico (Ut queant laxis) feito em memória a São João Baptista, as sílabas eram: ut, , mi, , sol, .

Hino em memória a São João Baptista

UT queant laxis, ----- ( Para que nós, servos, com nitidez )
Resonare fibris ----- ( e língua desimpedida, )
Mira gestorum ----- ( o milagre e a força dos teus feitos )
Famuli tuorum ----- ( elogiemos, )
Solve polluti ----- ( tira-nos a grave culpa )
Labii reatum ----- ( da língua manchada )
Sancte Joannes ----- ( ó São João!)

Algum tempo depois, o maestro italiano classicista, filólogo e teórico musical Giovanni Battista Doni, percebeu que "UT" não era fácil de ser cantado, pelo fato de terminar em consoante, mudou-o para "Dó", utilizando a primeira sílaba de seu sobrenome: Dó, Ré, Mi, Fá, Sol, Lá.

Observação: As iniciais de "Sancte Joannes / São João" são as letras do nome da nota "Si"

Aos monossílabos (sistema silábico introduzido por Guido d'Arezzo), usados predominantemente em línguas latinas, correspondem as sete letras (sistema alfabético introduzido pelo Papa Gregório Grande, 540 d.C.) usadas em inglês, alemão, grego etc. (MED, 1996, p. 13).


REFERÊNCIAS
HENRIQUE, Luis L. Acústica musical. Lisboa : Fundação Calouste Gulbenkian, 2003. 1130 p.

MED, Bohumil. Teoria da Música. 4ª. ed. rev. e ampl. Brasília, DF : Musimed, 1996. 420 p.

SADIE, S. Dicionário Grove de Música. Tradução de Eduardo Francisco Alves. Rio de Janeiro : Zahar, 1994. 1060 p.

Copyright © 2010 Asas da Alva Publicidade e Consultoria Pedagógica LTDA - Webmaster : Flaviandekson P. Teixeira